segunda-feira, 27 de setembro de 2010

São duas perguntas que comumente me fazem. 

Por que a anestesia local demora a "pegar"?
Cada região da boca tem um nervo ou grupo de nervos fazendo o controle sensitivo, ou seja, controlando os impulsos que levam a dor. As técnicas anestésicas procuram injetar o anestésico local mais próximo do nervo que se quer "adormecer", ou melhor, interromper temporariamente a condução dos estímulos elétricos para o cérebro. Todavia, em algumas pessoas a disposição dos nervos é diferente da maioria. Em outras palavras, as terminações nervosas passam por outros caminhos diferente da maioria das pessoas. No momento em que o dentista vai anestesiar, ele não tem como saber se aquela pessoa tem uma inervação que passa pelo lugar que a maioria das pessoas têm ou se é por outro caminho. Se for por outro caminho, o dentista vai ter que usar outros tubetes anestésicos variando de lugar até atingir a inervação desejada. Isso pode ser rápido ou pode demorar, depende do paciente.
Outra situação que pode fazer com que a anestesia local demore a fazer efeito é quando a região a ser anestesiada esteja sobre efeito doloroso de longa duração. É aquela dor de dente que está se manifestando há vários dias. Neste caso a região fica hipersensível e o anestésico demora a atingir toda a região hipersensível.

Por que a anestesia local demora a passar o efeito?
Pode ser por duas razões. A primeira é o tipo de anestésico local utilizado. Existem anestésicos que o efeito que pode durar até 12 horas. Esse tipo de anestésico geralmente é usado em cirurgias. A segunda é quando o nervo é lesionado pela agulha que aplica o anestésico. É raro acontecer isso, mas quando acontece provoca um efeito anestésico que pode durar meses. Esse efeito é chamado de parestesia. Apesar de preocupante e indesejável ele é reversível. O núcleo da célula nervosa não é lesionado e sim o axônio, que é uma estrutura que pode se regenerar e voltar a normalidade.

8 comentários:

  1. Qual o tempo mínimo de duração da anestesia?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Depende do agente anestésico. O tempo mínimo é com o anestésico tópico, que dura cerca de meia hora.

      Excluir

  2. Olá Dr. Fiz uma obturação no penultimo dente inferior lado direito. Tive de tomar 2 anestesias pois a primeira não pegou . Foi apenas uma obturação mas depois disso estou com o lado direito da lingua dormente(não sinto o sabor dos alimentos). Isso foi há 2 meses e começo a ficar preocupado. Quando pedi orientação no dentista ele se negou a me dar uma receita (talvez numa tentativa de se prevenir contra um processo)e disse apenas para que eu tomasse citoneurin. Acredito que seja parestesia na lingua. Creio que o problema tenha sido a segunda anestesia.Estou sem orientação correta neste caso. Como devo proceder?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Complicada essa situação, ainda mais a dentista se privando de prestar atendimento.
      Pelo que disse, tudo indica que está com parestesia. É um acidente de anestesia que pode ocorrer com qualquer dentista e é, na maioria das vezes reversível com o devido tratamento.
      Os tratamentos disponíveis são medicamentos, laser de baixa potência e fisioterapia.
      Recomendo que procure seu dentista e converse sinceramente sobre este problema e peça ajuda. Caso não receba, procure outro dentista...

      Excluir

Agradeço pelo seu comentário! Ele será respondido assim que puder...