sábado, 5 de junho de 2010

50 Segredos do seu dentista para você - Parte 3

"Há um limite ao que a pasta de dentes pode fazer. Nova fórmula branqueadora? Ela pode tirar manchas superficiais, mas não vai branquear como o tratamento específico" Katia Order Magro, São Paulo (SP).
Tenho muitas objeções a esses cremes e enxagüatórios dentais, pois prometem o que não podem cumprir. Nossos Conselhos deveriam tomar uma posição contra isso, mas são as indústrias que produzem esses produtos enganosos é que financiam eventos...

"Chamo refrigerantes de lixas líquidas. eles dissolvem os dentes e não é só por causa do açúcar, mas do ácido" Christian Wehba, São Paulo (SP).
Tenho 2 clientes que vieram ao consultório com os incisivos superiores com o esmalte totalmente removido. Uma foi devido ao consumo exagerado de suco de limão e o outro devido a coca cola.

"Existem pessoas que deixam a escova destampada sobre a pia. Mas, ao darem descarga estão contaminando a escova com coliformes fecais. O ideal é guardá-la no armário ou na gaveta, ou usar um protetor. Se ficar exposta, faça a higienização colocando de molho em solução de clorexidina". Fernanda Oliveira de Paula.
É sinal de higiene dar descarga com a tampa do vaso sanitário abaixada. Agora penso que é frescura essa coisa de limpar com clorexidina a escova de dentes. Senão tudo deveria ser higienizado (toalha, sabonete, etc).

"Escovas elétricas são boas, mas não melhores que as tradicionais. Elas imprimem sobre os dentes uma mesma força não atingindo áreas de difícil limpeza. o que faz a diferença na escovação é a dedicação e o tempo". Jane Maria de Alcântara, Rio de Janeiro, RJ.
Sou a favor das escovas elétricas, principalmente para pessoas com problema de coordenação motora. Além disso, uma escova elétrica é novidade e toda novidade motiva. Porém, a técnica e o tempo de escovação devem ser considerados para uma higienização efetiva.

"Naturalmente, mesmo em pessoas sadias, a boca é cheia de bactérias, portanto é impossível esterilizá-la. Mas não se preocupe. Uma boa técnica de higienização, que empregue corretamente a escova e o fio dental, e um controle adequado da alimentação são suficientes para se manter dentes e gengivas saudáveis". Edson Jorge Lima Moreira, Rio de Janeiro (RJ).

"Não é raro ver uma criança linda e bem vestida com dentes cariados até a gengiva. E recebo adolescentes de família rica com nove cáries. É o colapso total da supervisão dos pais" Simone M. Rocha Oliveira, Bom Despacho (MG).
Isso depende da região em que a criança more. Aqui no Rio de Janeiro está cada vez mais difícil ver crianças com dentes cariados. Isso deve-se as campanhas de conscientização nas escolas e a maior formação cultural dos pais. Concordo que a não supervisão dos pais podem causar não só problemas bucais, mas diversos problemas na formação do caráter da criança...

2 comentários:

  1. Olá Dr. Nas últimas semanas comecei a pensar na possibilidade de higienizar minha escova. Numa breve pesquisa vi esta dica da clorexidina. Mas considerando que antes de escovar os dentes eu posso enxaguiar a escova e remover a clorexidina fiquei com receio de estar tendo contado com resíduos do produto e assim tendo seus efeitos colaterias, como manchas e variações do paladar. Talvez fosse paranóia minha, mas em outra pesquisa descobri as caixinhas com raios UV, que prometem aniquilar as bactérias da escova. Seria uma boa doutor? Obrigado mais uma vez!

    ResponderExcluir
  2. Prezado Raul
    Essa sua atitude é paranóia mesmo!
    Por mais que você queira acabar com as bactérias elas vão aparecer, pois todo meio ambiente é colonizado por elas. Porém, temos que ter um bom relacionamento com elas. Isto implica em bons hábitos alimentares e de higiene oral. Também as bactérias habitam nosso ser. Leia o post http://www.dicasodontologicas.com.br/2010/05/flora-bacteriana-nosso-amigo-urso.html, e terás melhores informações.

    ResponderExcluir

Agradeço pelo seu comentário! Ele será respondido assim que puder...