quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

Fraturas dentárias durante tratamento

Olá amigos!
O tema de hoje diz respeito a um problema que comumente acontece durante tratamentos dentários, que é a fratura de dentes durante o tratamento. A pessoa vem ao consultório para a realização de um tratamento de canal ou a confecção de uma coroa total e, inexplicavelmente, aquele dente que nunca deu problema, mesmo estando fragilizado, faltando pedaço ou coisa parecida, quebra. Culpa de quem? Do dentista, é claro!! Quem vai ter que fazer o tratamento protético arcando com todos os custos? O dentista, é claro!! O cliente vem com a cara de indignação culpando o dentista. E o que é mais interessante são as desculpas: "Ah doutor, eu estava comendo algodão doce quando o dente quebrou...". Outras desculpas: Bebendo água, comendo pão doce, comendo mingau, comendo maria mole, bebendo cerveja, chupando picolé e coisas semelhantes... Quando acontece isso, já fico na expectativa da desculpa para ver se há alguma novidade.
O que acontece então? Essas fraturas são devido ao descuido da pessoa. Como o dente está sendo tratado, passou a dor, o provisório está bonito, geralmente a passoa relaxa e deixa de ter os cuidados que tinha antes de vir fazer o tratamento. Como aquele dente a incapacitava de comer alguns alimentos, com o tratamento ela acha que pode comer de tudo.
Então a dica é: Você que está tratando de seus dentes ou que já tem dentes tratados, com próteses, implantes, etc, coma devagar, ingira pequenas porções de cada vez e mastigue suavemente. Alimentos duros, como castanhas, devem ser comidos com muito cuidado, pois podem provocar fratura.
Lembre-se que você está usando uma prótese e esses cuidados são necessários. Se você perdesse uma perna e colocasse uma prótese, você ia sair correndo ou pulando amarelinha? É claro que não! Você iria passar por uma fase de adaptação, fisioterapia para andar mais ou menos. Correr? Muito difícil...
Por que com a prótese dentária seria diferente?
Sempre digo que: "Por incrível que pareça a boca faz parte do organismo!"
As limitações da boca são as mesmas de todas as partes do corpo. Não se esqueça disso.

2 comentários:

  1. olá doutor, estou com um caso como esse, estava com um tratamento de canal , mas o que aconteceu foi que esse dente não dói , foi feito o capiamento, como eu não sinto dor no dente o dentista mandou esperar 30 dias, e não restringiu comida nenhuma e nem avisou nada sobre dicas ao mastigar, queria saber se a culpa é minha, não vou arcar com o custo dessa restauração que é mto cara, se eu entrar na justiça eu ganho?

    ResponderExcluir
  2. A culpa não é sua nem da dentista. É do dente. Foi uma fatalidade. É como se você fosse fazer uma cirurgia no coração. Saísse bem e depois o coração para por uma mal súbito. Penso que você deve conversar com sua dentista e pedir para dividir a conta com ela, já que o problema ocorreu durante o tratamento. Acredito que ele vai topar. Dificilmente você vai ganhar se entrar na justiça, pois não tem como caracterizar que foi erro profissional...

    ResponderExcluir

Agradeço pelo seu comentário! Ele será respondido assim que puder...