terça-feira, 19 de agosto de 2008

O que é Hipersensibilidade Dentária?

Você vai tomar aquele sorvete delicioso. Coloca o sorvete na boca e vai saborear aquela delícia, quando pimba! Uma dor aguda e insuportável acaba com todo aquele momento mágico. E aí você vai continuar tomando o sorvete com o cuidado de não ter novamente aquela dor. Você está diante da hipersensibilidade dentinária, um problema que afeta milhares de pessoas em todo o mundo. A sensibilidade dentária é causada por uma dor transitória, geralmente aguda e rápida, quando os dentes são expostos a estímulos gelados, quentes, doces, ácidos ou ao toque, sem que haja qualquer patologia bucal.
A dor é a reação do nosso corpo a hipersensibilidade dentinária. Ela acontece quando a dentina não está coberta pelo esmalte. Assim, os estímulos bucais penetram no interior do dente e ativam os receptores pulpares. O estímulo vai direto ao cérebro, que os reconhecem como estímulo doloroso.
As principais causas da hipersensibilidade dentinária são retração gengival e abrasão dental associadas à escovação, ao acúmulo de placa bacteriana e tártaro, à fratura do esmalte dentário cervical e à erosão dental por ingestão freqüente de alimentos e bebidas ácidas.
O que se deve fazer para evitar?
1. Escovar os dentes com suavidade.
2. Usar escovas macias.
3. Evitar a ingestão contínua de refrigerantes e frutas ácidas.
4. Usar creme dental com pouco abrasivo.
5. Não deixar acumular tártaro em volta dos dentes.

Se você tem hipersensibilidade dentária o que fazer?
Procurar um dentista para tratamento. O dentista vai detectar a causa da hipersensibilidade e vai recomendar o tratamento adequado. O uso indiscriminado de creme dental para dentes sensíveis provoca dependência deste produto e a pessoa terá que usá-lo continuamente. Isto fará com que gaste dinheiro desnecessariamente, pois este produto é um pouco mais caro do que os cremes dentais, além de ter gosto ruim.

0 comentários:

Postar um comentário

Agradeço pelo seu comentário! Ele será respondido assim que puder...